QUINTOLUBRIC® 888-46

ESTUDO DE CASO – RODÍZIO CONTÍNUO

 

Veja o estudo de caso completo aqui

 

DESAFIOS


  • Uma grande produtora de aço inoxidável estava tendo graves problemas de confiabilidade com a pinça hidráulica usada no rodízio contínuo.
  • O sistema hidráulico, posicionado em cima das pinças, estava sendo operado com fluido hidráulico resistente ao fogo à base de água glicol (HFC) de uma marca premium. A produtora de aço inoxidável estava tendo os seguintes problemas com o fluido:
    • Menor vida útil da bomba
    • Vários defeitos em válvulas
    • Altas temperaturas do fluido (>65°C), resultando na separação das pinças operadas hidraulicamente em seu rodízio contínuo

 

A SOLUÇÃO


Para ajudar a melhorar as operações, introduziu-se o QUINTOLUBRIC® 888-46 como um possível substituto. Primeiramente, a Quaker os ajudou a entender as vantagens de mudar de fluidos de água glicol (HFC) para QUINTOLUBRIC® 888-46 (HFD-U baseado em éster poliol). Estas vantagens incluem:

  • Propriedades de lubrificação superiores
  • Menos manutenção do fluido
  • Ambientalmente correto

Embora o QUINTOLUBRIC® 888-46 possa custar até 2-3 vezes mais do que fluidos HFC, a redução no custo total de propriedade (CTP) que o fabricante pode ter com o QUINTOLUBRIC® 888-46 mais do que compensa a diferença de custo

Antes de encerrar o período de avaliação no primeiro sistema, eles decidiram trocar o segundo sistema de HFC para QUINTOLUBRIC® 888-46. Analisando os benefícios ao longo do período de 1 ano, a produtora de aço inoxidável reconheceu as seguintes vantagens:

  • Sem paralisações não planejadas (de 4hrs/mês para 0 horas/mês)
  • Intervalo estendido para manutenção de rotina em bombas e outros componentes
  • Maior vida útil do fluido; sem separação
  • Maior vida útil da válvula; sem trocas com fluido HFD-U em operação (de 30 para 0 válvulas)

Com a troca do fluido hidráulico à base de água glicol para o fluido HFD-U à base de poliéster QUINTOLUBRIC® 888-46 , o custo total de propriedade (CTP) foi reduzido em 48%

 

Veja o estudo de caso completo aqui